Dei uma ajudinha pra minha amiga grávida

Laura é uma amiga muito próxima de mim estudou no ensino médio comigo e a gente anda junto com a mesma galera desde então, a gente já se pegou uma vez mas sem sexo. Em um momento da vida dela ela engravidou e ela nem era casada por causa disso voltou a morar com os pais e diminuiu as saídas e ia apenas em roles mais tranquilos.
Um dia eu marquei com ela de ir encontrar ela para matar as saudades, marcamos na sorveteria que era perto para mim e para ela, quando cheguei lá tomei até um susto com o tamanho da barriga que já estava com 7 meses. Depois de tomar o sorvete fomos andar na praça como ela não estava muito disposta a andar eu chamei ela para ir a minha casa continuar a conversa depois levava ela para casa.
Já em casa nós continuamos a conversa e de repente vejo formando uma mancha na blusa dela e ela estava vazando leite e ela disse que estava ficando comum os últimos dias, nisso eu arrumei uma toalha e uma outra blusa para ela que não serviu e por isso ela ficou só de toalha. Depois disso ela começou a falar dos problemas da gravidez, como vazar leite, corpo pesado e principalmente os desejos. Como a gente era muito amigo e próximo ela se abriu comigo e falou que estava louca por sexo e como estava na casa dos pais isso era impossível e que a única vez que teve chance o cara que engravidou ela não queria, nisso eu falei que estava à disposição para ajudar ela e até brinquei com a situação. Passamos mais algum tempo conversando e depois levei ela para casa.
No dia seguinte eu recebo umas mensagens dela no celular, ela falando da conversa do outro dia que foi boa e tinha ajudado muito ela e perguntando se ela podia ir na minha casa de novo para a gente conversar mais, falei que sim que faria um jantar para nos e a gente conversava. Ela foi chegando mais tarde e começamos a conversar e ela uma hora veio me falando de novo dos desejos dela e se abriu para mim. Disse que estava difícil ficar sem sexo e que queria me ver hoje para ver se eu ajudava ela fazendo sexo, na hora eu fiquei um pouco em choque porque não sabia que sexo acontecia na gravidez, ela me tranquilizou e falou que era supernormal e que algumas mulheres ficavam mais ativas nesses períodos.
Não neguei o sexo fácil assim, topei fazer isso com ela, levei ela para o meu quarto, lá a gente foi se beijando ficando nus e ela foi direto caindo de boca no meu pau sem pensar duas vezes, mamava meu pau e minhas bolas me deixava louco como ninguém, depois retribui fazendo um oral nela nessa hora eu vi o quão molhada ela já estava sem eu ter feito nada, mal tinha colocada a boca na buceta dela ela já pediu minha rola lá dentro e não neguei o desejo de gravida, penetrar ela estava fácil, toda molhadinha morrendo de tesão e foi rápido fazer ela gozar e mais rápido ainda ela pedir para não parar, enquanto eu fudia ela eu apertava os seios dela e via o leite saindo dos peitos dela e ela gemia como uma cadela. Nessa noite ela dormiu comigo para a gente fazer mais sexo. Passado isso ela teve o filho dela e hoje namora outro cara e nem pensa em outra gravidez, mas que sempre lembra de mim.

Add a Comment